UOL - O melhor conteúdo
Lupa
Lula: ‘apareço com o dobro dos votos de todos os candidatos juntos’. Será?
05.12.2017 - 06h00
Rio de Janeiro - RJ
Na segunda-feira (4), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva iniciou em Vitória (ES) a terceira etapa da caravana Lula pelo Brasil. Nos últimos dias de novembro, deu uma entrevista à Agência EFE, falando sobre as eleições do ano que vem e as pesquisas de intenção de voto em que aparece liderando. A Lupa conferiu algumas frases ditas por ele nessa conversa. Veja abaixo o resultado das checagens:
“Em todas as pesquisas de opinião pública feitas, todos os meses, eu apareço com o dobro dos votos de todos os candidatos juntos”
Ex-presidente Lula em entrevista à Agência EFE no dia 24 de novembro de 2017
Exagerado
Em 2017, os institutos Ibope, Datafolha, DataPoder360, CNT/Sensus e CUT/Vox Populi fizeram diversas pesquisas de intenção de voto sobre para as eleições presidenciais do ano que vem. Juntos, eles analisaram 62 cenários: 51 por meio de perguntas estimuladas e 11 usando informações espontâneas. Em apenas dois desses cenários Lula aparece com o dobro da soma da intenção de voto dos demais candidatos juntos. Ambas foram pesquisas espontâneas feitas pela CUT/Vox Populi nos meses de junho e julho.
Procurado para comentar esta checagem, o ex-presidente reconheceu o exagero. Em nota, sua assessoria informou que a frase foi “só uma construção verbal equivocada” e que Lula pretendia “dizer que tem mais votos que todos os candidatos juntos”.
Mas essa frase também é exagerada. Em 62 cenários, apenas 14 mostram Lula nesta situação. São nove pesquisas estimuladas e quatro espontâneas feitas pela CUT/Vox Populi e uma pesquisa espontânea do Ibope. Nos outros 48 cenários, Lula tem menos votos do que a soma de seus adversários.

“O que as pesquisas mostram é que, se eu disputar com o Bolsonaro, eu ganho”
Ex-presidente Lula em entrevista à Agência EFE em 24 de novembro de 2017
Verdadeiro
Até agora, de acordo com os 51 cenários de primeiro turno analisados de forma estimulada pelos principais institutos de pesquisa do país, Lula tem razão. Ele aparece na frente de Bolsonaro em 46 levantamentos e está tecnicamente empatado com o deputado federal nos outros cinco. Três institutos – CNT/Sensus, Datafolha e CUT/Vox Populi – também pesquisaram cenários de segundo turno envolvendo Lula e Bolsonaro. São sete levantamentos, e o petista aparece na frente em todos.

“É importante lembrar que, quando eu deixei a Presidência da República, em 2010, eu tinha 80% de ‘bom e ótimo’ em São Paulo”
Ex-presidente Lula em entrevista à Agência EFE no dia 24 de novembro de 2017
Verdadeiro
Em novembro de 2010, o Datafolha entrevistou 11.281 pessoas para avaliar o governo do presidente Lula no final de seu mandato. Nessa pesquisa, 83% dos brasileiros responderam que o governo tinha sido “bom” ou “ótimo”. No caso de São Paulo, especificamente, 2.114 pessoas foram ouvidas e 77% classificaram o governo do petista como “bom” ou “ótimo” – total um pouco inferior ao citado por Lula. A margem de erro no levantamento é de dois pontos percentuais.

“O Moro reconheceu que não é meu o apartamento [triplex]”
Ex-presidente Lula em entrevista à Agência EFE em 24 de novembro de 2017
Exagerado
Ao fazer essa afirmação, Lula tirou de contexto trechos da sentença em que o juiz Sérgio Moro o condenou por corrupção ativa e lavagem de dinheiro, deixando de citar outras partes relevantes dela.
Moro escreveu que não tinha dúvidas de que “o imóvel permanecia registrado em nome da OAS Empreendimentos S/A, empresa do Grupo OAS”. Entretanto, pontuou que a acusação disse que o repasse do apartamento ao ex-presidente “teria ocorrido de maneira subreptícia (…) com o objetivo de ocultar e dissimular o ilícito”. Em outras palavras, não se discutia se a titularidade formal era ou não da OAS, mas, sim, se o dono de fato era ou não Lula.
Na conclusão, Moro escreveu sua avaliação sobre a propriedade do triplex: “O imóvel foi atribuído de fato ao ex-presidente desde a transferência do empreendimento imobiliário da BANCOOP para a OAS”.
A assessoria de imprensa do ex-presidente declarou, em nota, o seguinte: “O juiz diz, textualmente, que o imóvel é da OAS. Lula inclusive provou que esteve uma única vez no imóvel por poucas horas para avaliar sua compra, jamais tendo dormido nele. Isso está documentalmente provado.”
Esta reportagem foi publicada na versão impressa do jornal Folha de S.Paulo no dia 5 de dezembro de 2017.
Clique aqui para ver como a Lupa faz suas checagens e acessar a política de transparência
A Lupa faz parte do
The trust project
International Fact-Checking Network
A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos.
A Lupa está infringindo esse código? FALE COM A IFCN
Tipo de Conteúdo: Checagem
Conteúdo de verificação e classificação de uma ou mais falas específicas de determinada pessoa, seguindo metodologia própria.
Copyright Lupa. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.

Leia também


25.02.2024 - 19h45
Checagem
Ato em SP: Bolsonaro erra dados e ignora contextos ao lembrar seu governo

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) reuniu aliados em um ato em São Paulo para se defender das acusações de tentativa de golpe. No discurso, citou dados sem contexto sobre auxílio emergencial e errou ao falar sobre o preço do etanol. Também se contradisse ao afirmar que ninguém pode ganhar uma eleição 'afastando os opositores do cenário político'

Ítalo Rômany
29.01.2024 - 21h15
Política
Em live, Bolsonaro se contradiz sobre Maduro e erra sobre ações do TSE

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) defendeu em uma live no domingo (28) pautas que marcaram o seu governo, como o voto impresso e o acesso às armas de fogo. Ele ainda fez uma afirmação falsa sobre o TSE e ignorou o contexto ao tratar de uma fake relacionada à Covid-19. O ex-presidente ainda se contradisse ao comentar sobre as eleições na Venezuela

Carol Macário
24.01.2024 - 15h39
Checagem
No Roda Viva, Haddad exagera sobre energia limpa e erra sobre reservas cambiais

Em entrevista ao programa Roda Viva no dia 22 de janeiro, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, fez comparações entre o preço da gasolina no governo atual e durante a gestão de Bolsonaro. Ele exagerou dados sobre a matriz energética brasileira e errou sobre as reservas internacionais. A Lupa checou algumas declarações do ministro.

Carol Macário
19.09.2023 - 12h18
Checagem
Na ONU, Lula erra sobre crise climática e produção de biodiesel

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) voltou a abrir a Assembleia-Geral das Nações Unidas depois de 14 anos. No discurso de abertura da 78ª edição do encontro, sediado em Nova York nesta terça-feira (19), o brasileiro enfatizou o combate às desigualdades, além de fazer críticas a organismos internacionais. A Lupa checou algumas das frases ditas pelo presidente.

Carol Macário
14.09.2023 - 15h40
Saúde
Deputados desinformam sobre vacina em reunião com a ministra da Saúde

Deputados federais usaram uma reunião com a presença da ministra da Saúde, Nísia Trindade, para desinformar sobre a vacinação contra a Covid-19. Trindade participou de uma audiência conjunta das comissões de Saúde e Previdência, Assistência Social, Infância, Adolescência e Família nesta quarta-feira (13). A ministra também foi cobrada pelos parlamentares sobre o conteúdo da Resolução n° 715 do Conselho Nacional de Saúde (CNS).

Ítalo Rômany
Lupa © 2024 Todos os direitos reservados
Feito por
Dex01
Meza Digital