UOL - O melhor conteúdo
Lupa
Elogio de Bolsonaro a Chávez contradiz oposição dele ao ‘comunismo’
12.12.2017 - 12h50
Rio de Janeiro - RJ
Uma imagem extraída do acervo do jornal O Estado de S.Paulo e uma entrevista concedida pelo deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) com elogios ao ex-presidente venezuelano Hugo Chávez circularam pela internet e por aplicativos de mensagem na última segunda-feira (11). Trata-se de um conteúdo que data de 1999 e diz respeito à polêmica visita que Chávez fez ao Brasil. Na época, o jornal entrevistou alguns dos deputados federais para saber o que eles pensavam do ex-militar que havia vencido as eleições venezuelanas com 56% dos votos e que tinha agenda com o então presidente do Brasil, Fernando Henrique Cardoso. Bolsonaro foi um dos ouvidos.
“[Hugo Chávez] É uma esperança para a América Latina e gostaria muito que essa filosofia chegasse ao Brasil (…). Ele não é anticomunista e eu também não sou”
Deputado federal Jair Bolsonaro, em entrevista concedida ao jornal O Estado de S.Paulo, em 4 de setembro de 1999
Apesar dos elogios feitos ao ex-presidente da Venezuela Hugo Chávez em 1999, em setembro de 2013, o parlamentar subiu à tribuna da Câmara e o classificou como um “ditador”, ao lado do boliviano Evo Morales e do cubano Fidel Castro.
Jair Bolsonaro se posiciona hoje como um dos maiores críticos do “comunismo” no Brasil. Faz oposição ferrenha aos governos petistas de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, dizendo que se trataram de “ditaduras comunistas”. Uma busca no site da Câmara mostra que, entre 2009 e 2016, o parlamentar citou a palavra “comunismo” pelo menos 26 vezes em discursos feitos no Congresso. “Chávez”, por sua vez, foi mencionado em ao menos 20 ocasiões.
Em uma dessas intervenções, Bolsonaro pediu que um dos sites da Câmara fosse retirado do ar por “explicar princípios do comunismo”. Queria evitar que “a nossa juventude” crescesse “achando que o comunismo, o socialismo e a ditadura, como eles bem escrevem aqui, farão bem para a sociedade um dia”.
Hugo Chávez foi presidente da Venezuela de fevereiro de 1999 a março de 2013. Morreu em decorrência de um câncer e é considerado por especialistas em ciência política um dos expoentes do socialismo do século XXI na América Latina. De forma muitas vezes controversa, tentou implantar um sistema político inspirado nos ideais de Simon Bolívar, ampliando o nacionalismo à máxima potência e buscando uma educação pública irrestrita e obrigatória. Seu governo é alvo de diversas críticas nacionais e internacionais.
Em vídeo gravado em Pernambuco no mês de maio, Bolsonaro pede a palavra e ironiza o fato de Chávez ter ido “se tratar (de câncer) na melhor medicina do mundo: a cubana” e lembra que ele morreu logo depois. Na gravação, pede que o homem que um dia considerou “uma esperança para a América Latina” “prepare o inferno para receber os líderes comunistas do Brasil”.
Procurado, Bolsonaro afirmou, por telefone, que, no início de sua carreira política, Chávez era um democrata e que, por isso, o admirava. “Mas as pessoas mudam, não é? Isso acontece, às vezes, até em casamentos”.
Clique aqui para ver como a Lupa faz suas checagens e acessar a política de transparência
A Lupa faz parte do
The trust project
International Fact-Checking Network
A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos.
A Lupa está infringindo esse código? FALE COM A IFCN
Tipo de Conteúdo: Checagem
Conteúdo de verificação e classificação de uma ou mais falas específicas de determinada pessoa, seguindo metodologia própria.
Copyright Lupa. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.

Leia também


29.01.2024 - 21h15
Política
Em live, Bolsonaro se contradiz sobre Maduro e erra sobre ações do TSE

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) defendeu em uma live no domingo (28) pautas que marcaram o seu governo, como o voto impresso e o acesso às armas de fogo. Ele ainda fez uma afirmação falsa sobre o TSE e ignorou o contexto ao tratar de uma fake relacionada à Covid-19. O ex-presidente ainda se contradisse ao comentar sobre as eleições na Venezuela

Carol Macário
24.01.2024 - 15h39
Checagem
No Roda Viva, Haddad exagera sobre energia limpa e erra sobre reservas cambiais

Em entrevista ao programa Roda Viva no dia 22 de janeiro, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, fez comparações entre o preço da gasolina no governo atual e durante a gestão de Bolsonaro. Ele exagerou dados sobre a matriz energética brasileira e errou sobre as reservas internacionais. A Lupa checou algumas declarações do ministro.

Carol Macário
19.09.2023 - 12h18
Checagem
Na ONU, Lula erra sobre crise climática e produção de biodiesel

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) voltou a abrir a Assembleia-Geral das Nações Unidas depois de 14 anos. No discurso de abertura da 78ª edição do encontro, sediado em Nova York nesta terça-feira (19), o brasileiro enfatizou o combate às desigualdades, além de fazer críticas a organismos internacionais. A Lupa checou algumas das frases ditas pelo presidente.

Carol Macário
14.09.2023 - 15h40
Saúde
Deputados desinformam sobre vacina em reunião com a ministra da Saúde

Deputados federais usaram uma reunião com a presença da ministra da Saúde, Nísia Trindade, para desinformar sobre a vacinação contra a Covid-19. Trindade participou de uma audiência conjunta das comissões de Saúde e Previdência, Assistência Social, Infância, Adolescência e Família nesta quarta-feira (13). A ministra também foi cobrada pelos parlamentares sobre o conteúdo da Resolução n° 715 do Conselho Nacional de Saúde (CNS).

Ítalo Rômany
14.09.2023 - 08h00
Checagem
5 frases falsas ditas por Lula no G20 e em outras viagens internacionais

Em discurso na Índia, presidente associou, sem qualquer comprovação científica, terremoto no Marrocos a mudanças climáticas. No evento, Lula disse que desconhecia o Tribunal Penal Internacional, órgão do qual o Brasil é signatário e para o qual uma juíza brasileira foi escolhida no governo petista. Veja cinco frases falsas ditas pelo petista em viagens internacionais

Iara Diniz
Lupa © 2024 Todos os direitos reservados
Feito por
Dex01
Meza Digital