UOL - O melhor conteúdo
Lupa
É falso que Bolsonaro criou Dia Nacional da Proclamação do Evangelho
29.10.2019 - 16h27
Rio de Janeiro - RJ
Circula pelas redes sociais um texto que diz que o presidente Jair Bolsonaro teria aprovado a lei que instituiu o Dia Nacional da Proclamação do Evangelho. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da ​Lupa​:
“Bolsonaro aprovou essa lei vamos divulgar (…) Dia 31 de outubro não é mais dia das bruxas no Brasil! (…) Levo ao conhecimento de todos que foi publicado no Diário Oficial da União no dia o dia 31/10 como o Dia Nacional do Evangelho. Lei 13.246 do Diário Oficial da União”
Texto divulgado no Facebook que, até às 16h do dia 29 de outubro de 2019, tinha sido compartilhada diversas vezes na rede social
Falso
A informação analisada pela Lupa é falsa. A lei 13.246, que institui o dia 31 de outubro como o Dia Nacional da Proclamação do Evangelho, foi sancionada em janeiro de 2016, durante o governo de Dilma Rousseff (PT). Ou seja, ela não foi aprovada durante o mandato do presidente Jair Bolsonaro (PSL).
Além disso, o texto da lei 13.246 não proíbe a comemoração do Dia das Bruxas. Na realidade, o artigo 2 desta lei só estabelece que no dia 31 de outubro será dada “ampla divulgação à proclamação do Evangelho, sem qualquer discriminação de credo dentre igrejas cristãs”.
A lei 13.246 é fruto do projeto de lei 2828/2003, apresentado pelo então deputado federal Neucimar Fraga (PL/ES). Em sua justificativa, o congressista fala sobre a proclamação do Evangelho e não cita em nenhum momento o Dia das Bruxas.
O Dia das Bruxas é comemorado em diversos países no dia 31 de outubro, mas não é uma data oficial no Brasil.
Com o objetivo de valorizar a cultura brasileira, os projetos de lei 2762/2003, do então deputado federal Aldo Rebelo (PCdoB-SP), e 2479/2003, da então deputada Angela Guadagnin (PT-SP), visavam instituir o Dia do Saci, mas foram ambos arquivados. A data também seria comemorada no dia 31 de outubro.
Essa informação também foi verificada pelo Aos Fatos, Fato ou Fake e E-farsas.
Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook
Editado por
Clique aqui para ver como a Lupa faz suas checagens e acessar a política de transparência
A Lupa faz parte do
The trust project
International Fact-Checking Network
A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos.
A Lupa está infringindo esse código? FALE COM A IFCN
Tipo de Conteúdo: Verificação
Conteúdo de verificação de informações compartilhadas nas redes sociais para mostrar o que é falso.
Copyright Lupa. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.

Leia também


23.02.2024 - 19h01
Saúde
Estudo citado em vídeo não prova eficácia da ivermectina contra a dengue

Vídeo afirma que um estudo científico comprovou que a ivermectina tem eficácia na prevenção e tratamento contra a dengue. É falso. A pesquisa citada é um ensaio in vitro, realizado fora de organismos vivos, e que não analisou os efeitos da substância em seres humanos. Especialistas ouvidos pela Lupa rejeitam o uso da ivermectina contra a doença.

Catiane Pereira
23.02.2024 - 18h31
Saúde
Borra de café não é eficaz contra o mosquito da dengue

Mensagem afirma que colocar borra de café nos pratos e vasos de plantas que podem acumular água seria uma solução para combater o desenvolvimento de larvas dos mosquitos da dengue. É falso. Autoridades da Saúde consultadas pela Lupa não recomendam o processo. Não existem evidências sobre a eficácia desse método caseiro.

Evelyn Fagundes
23.02.2024 - 18h09
Política
Lula lançou programa contra abuso infantil em Marajó (PA) antes de revogar projeto de Damares

Circula nas redes post que afirma que o presidente Lula revogou o programa Abrace o Marajó, da ex-ministra Damares Alves. Legendas sugerem que o governo atual, ao acabar com o projeto, está sendo omisso no combate à exploração sexual infantil na Ilha de Marajó (PA). Falta contexto. Governo lançou projeto similar antes de revogar ação anterior

Ítalo Rômany
23.02.2024 - 15h44
Política
É falso que general colocará 25 mil soldados na av. Paulista em apoio a ato de Bolsonaro

Circula nas redes um vídeo em que um homem afirma que um general do “20° Batalhão de Suprimento do Estado de São Paulo” teria afirmado que colocará 25 mil soldados em apoio ao ato de 25 de fevereiro convocado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro. É falso. O vídeo foi manipulado. No registro original, o homem informa que o conteúdo é falso.

Gabriela Soares
23.02.2024 - 13h57
Política
Vídeo de Bolsonaro erguendo cartaz ‘Globo Lixo’ é de 2021 e foi feito no Paraná, não em frente à PF

Circula nas redes sociais vídeo que, segundo legenda, mostraria o ex-presidente Jair Bolsonaro deixando a sede da PF, em Brasília, após prestar depoimento na quinta (22) sobre uma suposta tentativa de golpe de Estado. O registro mostra Bolsonaro levantando um cartaz com a frase “Globo lixo”. O vídeo é antigo. Imagens  são de 2021, em Cascavel (PR).

Ítalo Rômany
Lupa © 2024 Todos os direitos reservados
Feito por
Dex01
Meza Digital