UOL - O melhor conteúdo
Lupa
É falso que chá de limão, alho e jambu cura a Covid-19
23.04.2020 - 17h45
Rio de Janeiro - RJ
Circula pelas redes sociais um post com uma receita de chá natural contra a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2). Segundo o texto, basta beber uma infusão de limão com dois dentes de alho, algumas folhas e a flor de jambu, planta comum na região Norte do país, para sentir alívio nos sintomas e ficar curado. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa​:
“Chá de limão com alho e jambu está matando os sintomas do coronavírus. Muitas pessoas ficaram boas sem precisar ir para o hospital, porque lá é pior. Deus está curando muita gente através desse chá. Quem não quiser morrer e só fazer esse chá, e tomar morno, e Deus fará o milagre. Um limão, 2 dentes de alho e algumas folhas e flor de jambu, quanto mais forte o chá melhor. Ouvi testemunhos!”
Texto de post do Facebook que, até as 15h30 de 23 de abril de 2020, tinha mais de 2,1 mil compartilhamentos
Falso
A informação analisada pela Lupa é falsa. Não há nenhuma pesquisa que tenha mostrado benefícios de se tomar chá com limão, alho e jambu contra a Covid-19. “Não existe qualquer evidência científica de que chás ou outros produtos caseiros tenham eficácia contra o coronavírus”, explicou Guilherme Werneck, médico e professor de epidemiologia do Instituto de Medicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), por mensagem enviada via WhatsApp.
De acordo com o pesquisador, as pessoas devem se alimentar de forma equilibrada, manter-se hidratadas e fazer alguma atividade física em casa, durante o isolamento social. Tudo isso ajuda o sistema imunológico a funcionar bem. “Essas são recomendações gerais para manutenção de boas condições de saúde, mas não são recomendações específicas contra o coronavírus”, disse.
Receitas caseiras contra a Covid-19 têm sido compartilhadas desde o início da pandemia, todas sem nenhum respaldo científico. A Lupa já desmentiu informações sobre os efeitos “preventivos” ou “curativos” de água quente com alho, com limão ou com erva-doce contra o novo coronavírus. Até mesmo posts recomendando beber qualquer chá ou água quente para matar o SARS-CoV-2 já circularam pela rede – outra afirmação sem nenhuma base em pesquisas ou estudos.
Recentemente, o Ministério da Saúde desmentiu texto que recomendava misturar limão com bicarbonato de sódio e tomar como chá quente contra a Covid-19. “Até o momento, não há nenhum medicamento, substância, vitamina, alimento específico ou vacina que possa prevenir a infecção pelo coronavírus”, informou a pasta.
Um conteúdo semelhante também foi checado pelo Estadão Verifica.
Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.
Editado por
Clique aqui para ver como a Lupa faz suas checagens e acessar a política de transparência
A Lupa faz parte do
The trust project
International Fact-Checking Network
A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos.
A Lupa está infringindo esse código? FALE COM A IFCN
Tipo de Conteúdo: Verificação
Conteúdo de verificação de informações compartilhadas nas redes sociais para mostrar o que é falso.
Copyright Lupa. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.

Leia também


18.05.2024 - 12h46
Rio Grande do Sul
Vídeo de resgate de criança por civis em enxurrada foi gravado na Turquia, não no RS

Circula nas redes sociais um vídeo que mostra o resgate de duas pessoas em uma enchente. A legenda afirma se tratar do salvamento de duas crianças que ocorreu recentemente no Rio Grande do Sul. É falso. A gravação mostra o resgate de uma mulher e de uma criança em março de 2023 na Turquia.

Catiane Pereira
18.05.2024 - 09h46
Rio Grande do Sul
É falso que 2 mil corpos foram congelados em frigorífico de Canoas (RS)

Vídeo nas redes sociais alega que estão congelando corpos em câmaras frigoríficas no bairro Mathias Velho, em Canoas (RS). É falso. O Instituto Geral de Perícias do Rio Grande do Sul e a Prefeitura de Canoas desmentiram o boato. Além disso, o boletim da Defesa Civil, divulgado às 9h de sábado (18), aponta 22 óbitos em Canoas.

Catiane Pereira
17.05.2024 - 17h30
Rio Grande do Sul
É falso que foram destruídas doações para o RS mostradas em vídeo viral

Circula nas redes sociais um vídeo alegando que doações enviadas para o Rio Grande do Sul foram destruídas. É falso. Trata-se de um registro de 2023, em que donativos estavam sendo movidos por uma retroescavadeira para organizar o local. O conteúdo desinformativo ainda conta com outras narrativas falsas.


Evelyn Fagundes
16.05.2024 - 17h15
Rio Grande do Sul
É falso que lista com 53 nomes seja de crianças desacompanhadas em abrigo na Ulbra, em Canoas

Circula pelas redes sociais uma lista com supostos nomes de crianças sem seus responsáveis que estariam abrigadas no Campus da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), em Canoas (RS). É falso. Na verdade a lista traz os nomes de pessoas desabrigadas e que foram acolhidas em outro local, não de crianças desacompanhadas.

Catiane Pereira
16.05.2024 - 16h33
Enchentes no RS
É falsa a imagem viral que mostra helicóptero da Havan em resgate no RS

Circula nas redes sociais a imagem de um suposto resgate realizado por um helicóptero da rede de lojas de departamento Havan no Rio Grande do Sul. É falso. A imagem foi gerada por inteligência artificial. A Havan confirmou que a aeronave não pertence à empresa. Ferramentas de identificação de IA também apontam que a foto foi gerada artificialmente. 


Gabriela Soares
Lupa © 2024 Todos os direitos reservados
Feito por
Dex01
Meza Digital