UOL - O melhor conteúdo
Lupa
É falso que FDA e China consideram a cloroquina ‘100% eficiente’ contra Covid-19
01.09.2020 - 17h58
Rio de Janeiro - RJ
Circula pelas redes sociais que a Food and Drug Administration (FDA), órgão regulador de medicamentos nos Estados Unidos, e a China teriam comprovado que a cloroquina é um medicamento “100% eficiente” no combate à Covid-19. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:
“(…) FDA aprovaram o uso da cloroquina como 100% eficiente na cura do Covid”
Texto de imagem no Facebook que, até às 15h do dia 1º de setembro de 2020, tinha sido compartilhado por diversas pessoas
Falso
A informação analisada pela Lupa é falsa. A Food and Drug Administration (FDA) jamais considerou a cloroquina “100% eficiente” no tratamento da Covid-19. Entre 28 de março e 15 de junho, o órgão autorizou o uso emergencial do remédio, porém essa autorização foi revogada. Em comunicado à imprensa, a instituição informou que considera “improvável” que a hidroxicloroquina e a cloroquina sejam eficazes contra a doença.
No dia 28 de março, a FDA, instituição equivalente à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) brasileira, emitiu uma ordem especial permitindo a adoção de produtos com sulfato de hidroxicloroquina e fosfato de cloroquina no tratamento de pacientes com Covid-19. Contudo, o órgão destacou que o documento não era um parecer da FDA sobre a eficácia dos remédios no tratamento da Covid-19. “Essa autorização é reservada para situações de emergência e não é a mesma coisa que uma aprovação ou licença da FDA”, disse.
Meses depois, no dia 15 de junho, o órgão decidiu revogar essa autorização. Em um novo parecer, a FDA afirmou que, com base em descobertas científicas recentes, “é improvável que a cloroquina e a hidroxicloroquina sejam eficazes no tratamento da Covid-19”. A instituição ponderou ainda que essas drogas podem causar “sérios problemas cardíacos” e que os potenciais benefícios em seu uso não superam os riscos.
A revisão da FDA se deu após a divulgação de um resultado de um ensaio clínico randomizado que mostrou que o uso dos medicamentos não resultou na redução na mortalidade da doença ou na recuperação rápida de pacientes. “Embora os ensaios clínicos adicionais continuem a avaliar o benefício potencial desses medicamentos no tratamento ou prevenção de Covid-19, determinamos que a autorização de uso de emergência não era mais apropriada. Esta ação foi realizada após uma avaliação rigorosa por cientistas em nosso Centro para Avaliação e Pesquisa de Medicamentos ”, disse Patrizia Cavazzoni, diretora interina desse departamento da FDA.
Essa é a segunda vez que a Lupa desmente informação de que a FDA teria comprovado a eficácia da cloroquina no tratamento da Covid-19. A primeira checagem sobre esse assunto foi feita em março, no início da pandemia no Brasil. Esse boato voltou a circular após a Comissão Nacional de Saúde da China decidir adotar um novo protocolo usando cloroquina.
Na semana passada, a Lupa desmentiu outro boato semelhante. Um post compartilhado no Facebook dizia que a Organização Mundial de Saúde (OMS) teria pedido desculpas e passado a recomendar a hidroxicloroquina como forma de tratamento da Covid-19. Essa informação, no entanto, é falsa.

“China (…) aprovaram o uso da cloroquina como 100% eficiente na cura do Covid”
Texto de imagem no Facebook que, até às 15h do dia 1º de setembro de 2020, tinha sido compartilhado por diversas pessoas
Falso
A informação analisada pela Lupa é falsa. A assessoria de imprensa da Embaixada da China do Brasil informou que “desconhece qualquer anúncio sobre ‘o uso da cloroquina como 100% eficiente na cura da Covid-19’ feito por autoridades governamentais de saúde” do país. Também não foi possível encontrar essa informação no site do governo chinês.
Em agosto, a Comissão Nacional de Saúde da China adotou um protocolo que usa a cloroquina como um medicamento para tratar pacientes infectados com o novo coronavírus. Embora recomendada, a comissão disse que a droga não tem sua eficácia comprovada. “Algumas drogas podem demonstrar algum grau de eficácia em estudos de observação clínica, mas não há antivirais efetivos confirmados por estudos duplo-cego e controlado por placebo”, informou a instituição. Essas informações foram divulgadas pelo jornal South China Morning Post.
Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.
Editado por
Clique aqui para ver como a Lupa faz suas checagens e acessar a política de transparência
A Lupa faz parte do
The trust project
International Fact-Checking Network
A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos.
A Lupa está infringindo esse código? FALE COM A IFCN
Tipo de Conteúdo: Verificação
Conteúdo de verificação de informações compartilhadas nas redes sociais para mostrar o que é falso.
Copyright Lupa. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.

Leia também


14.06.2024 - 18h04
Educação
Lula criticou acesso difícil ao dizer que ‘universidade foi feita para ricos, não para pobres’

Vídeo mostra trecho de discurso do presidente Lula afirmando que as universidades foram feitas para ricos, não para pobres. O post tem sido compartilhado como se o político criticasse as cotas para pessoas de baixa renda e quilombolas. Falta contexto. No pronunciamento, o presidente disse que as oportunidades de acesso ao ensino superior não são iguais para todos.

Evelyn Fagundes
14.06.2024 - 17h38
Política
Vereador do PT foi preso por posse irregular de arma, não por desviar doações no RS

Circula nas redes um post dizendo que um vereador de Palmares do Sul (RS), filiado ao PT, foi preso por desviar doações destinadas ao Rio Grande do Sul. É falso. O vereador Filipe Lang (PT), um dos alvos de uma operação da Polícia Civil, foi detido em flagrante, mas por posse irregular de arma de fogo. O parlamentar foi liberado após pagar fiança.

Ítalo Rômany
14.06.2024 - 11h04
Política
É falso que relatório de CPI provou que Lula premeditou atos de 8 de janeiro

Circula nas redes post afirmando que o presidente Lula tinha conhecimento dos atos golpistas de 8 de janeiro — e que, portanto, o petista premeditou o crime. A prova seria o relatório final da CPI dos Atos Antidemocráticos do DF. É falso. Em nenhum momento o texto associa o nome do petista aos ataques ou o coloca entre os indiciados pelo crime.

Ítalo Rômany
13.06.2024 - 19h52
Política
Lula não disse que “a borracha vai cantar” sobre professores em greve

Circula nas redes um vídeo que mostra uma imagem do presidente Lula fazendo um discurso. O post contém a seguinte frase: “Lula manda recado: professores acabem com essa greve, senão a borracha vai cantar”. É falso. A foto se refere a um pronunciamento feito no dia 10 deste mês, mas a fala presente na legenda do conteúdo não foi feita pelo político.


Evelyn Fagundes
13.06.2024 - 17h18
Segurança pública
É falso que lei federal exige guarnições para atender a população LGBT+

Vídeo mostra foto de uma viatura da polícia militar na cor lilás. Segundo o áudio do vídeo, uma lei federal determinou que esse tipo de veículo deveria ser adotado pelas polícias e forças armadas para o atendimento à população LGBT+. É falso. A imagem foi feita no Piauí e se refere aos veículos utilizados na patrulha de combate à violência contra a mulher.

Evelyn Fagundes
Lupa © 2024 Todos os direitos reservados
Feito por
Dex01
Meza Digital