UOL - O melhor conteúdo
Lupa
Editorial: Apesar de anúncio em jornais, não há tratamento precoce para Covid-19
23.02.2021 - 19h36
Rio de Janeiro - RJ
As versões impressas de ao menos oito jornais brasileiros publicaram nesta terça-feira (23) um anúncio de meia página com conteúdo que faz a defesa de supostos tratamentos precoces contra a Covid-19 já identificados pela Agência Lupa e por outros fact-checkers profissionais do Brasil como falsos.
Na condição de principal plataforma dedicada ao combate à desinformação do país, a Lupa se sente no dever de, mais uma vez, rebater mentiras.
Por mais que um desconhecido grupo de médicos tenha conseguido comprar espaço publicitário em jornais de prestígio para dizer o contrário, não há – nem nunca houve – tratamento precoce para a Covid-19. Não há – nem nunca houve – remédio capaz de prevenir a contaminação pelo novo coronavírus.
Essas são as informações médicas, científicas, oficiais e mais recentes divulgadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). São posições baseadas em dados técnicos, também defendidos por centenas de entidades sérias de saúde em todo o planeta.
Por mais que uma desconhecida associação médica de Pernambuco pregue o contrário, o distanciamento social, o uso de máscara, a limpeza das mãos e, agora, a aplicação de vacinas são os únicos métodos de se proteger nesta pandemia. Qualquer tentativa de dizer o oposto consiste em espalhar falsidade.
No último ano, a Lupa publicou ao menos 46 verificações indicando que cloroquina, hidroxicloroquina e ivermectina não têm eficácia comprovada contra o novo coronavírus. Que não existe tratamento precoce para Covid-19.
Jornais são e continuarão sendo peças vitais na luta contra a desinformação, mas precisam, assim como as plataformas de redes sociais, rechaçar anúncios mentirosos mesmo que isso vá contra seus interesses financeiros. A luta contra notícias falsas não pode ser apenas um slogan publicitário. Não pode se restringir ao trabalho dos jornalistas nas redações. Precisa envolver também o setor comercial, aqueles que negociam e vendem propaganda. Já não se deve tolerar notícias falsas. Venha de onde vier.
Clique aqui para ver como a Lupa faz suas checagens e acessar a política de transparência
A Lupa faz parte do
The trust project
International Fact-Checking Network
A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos.
A Lupa está infringindo esse código? FALE COM A IFCN
Tipo de Conteúdo: Opinião
Conteúdo editorial em que a Lupa ou convidados se posicionam sobre algum fato envolvendo desinformação e educação midiática.
Copyright Lupa. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.

Leia também


01.11.2023 - 08h00
Coluna
Um ano após Musk, X enfrenta declínio em meio à escalada de fakes e ódio

Em seu primeiro ano à frente do X (antigo Twitter), Elon Musk coleciona fracassos. Há queda em downloads, tempo de uso e valor de mercado. Enquanto isso, cresce a circulação de discurso de ódio, incluindo mensagens racistas, antissemitas e homofóbicas, e da circulação de desinformação e teorias conspiratórias, analisa a colunista Cristina Tardáguila.

Cristina Tardáguila
25.10.2023 - 08h00
Coluna
Israel descreve foto violenta e complica (ainda mais) checagem da guerra

As Forças Armadas Israelenses colocaram os checadores que acompanham a guerra no Oriente Médio em xeque ao postar no X um conteúdo em texto que, aparentemente, não pode ser verificado. O post relata o suposto assassinado de uma mulher grávida e um bebê pelo Hamas. A colunista Cristina Tardáguila conta como foi a busca por evidências sobre o caso.

Cristina Tardáguila
18.10.2023 - 10h00
Coluna
Imagens de horror em Gaza e Israel: como podemos nos proteger?

A violência da guerra entre Israel e Hamas circula em imagens impactantes, especialmente nas redes sociais. A colunista Cristina Tardáguila conversou com especialistas e explica o que podemos fazer para evitar que a exposição a cenas tão brutais afetem a nossa saúde mental.

Cristina Tardáguila
11.10.2023 - 13h32
opinião
Vídeo de homens urinando em corpos mostra que é fácil enganar na guerra

Vídeo compartilhado em grupos de WhatsApp no Brasil e no X (antigo Twitter) está sendo usado com diferentes narrativas sobre o conflito entre Hamas e Israel. As cenas, extremamente impactantes, mostram como pode ser fácil manipular a informação em meio a conflitos bélicos.

Cristina Tardáguila
06.10.2023 - 08h00
opinião
Democracia por design: Um guia para as big techs protegerem mais de 50 eleições em 2024

Que a desinformação é um risco para a democracia é fato. Que ela precisa ser combatida de maneira eficaz, também. Mas as soluções propostas no Brasil e em outros países podem ser bem diferentes. Enquanto por aqui a discussão continua com foco no conteúdo, pesquisadores estrangeiros miram em outro alvo: o produto. A colunista Cristina Tardáguila explica o que é ‘Democracia por design’, e como isso pode impedir que falsas informações circulem nas redes sociais.

Cristina Tardáguila
Lupa © 2024 Todos os direitos reservados
Feito por
Dex01
Meza Digital