UOL - O melhor conteúdo
Lupa
Dengue: Confira o que já checamos sobre falsas receitas milagrosas, remédios e vacina
19.02.2024 - 08h00
Rio de Janeiro - RJ
Desde o começo de 2024, o Brasil vive um novo surto de dengue. Até 15 de fevereiro, o Ministério da Saúde havia registrado 532,9 mil casos prováveis no país e 90 mortes pela doença foram confirmadas. Embora não seja uma doença nova, falsos tratamentos que prometem a cura em até três dias, meios de prevenção com fármacos sem comprovação científica e teorias conspiratórias sobre a vacina se espalharam pelas redes sociais. 

Confira, a seguir, o que já foi verificado pela Lupa:

Clique aqui para ver como a Lupa faz suas checagens e acessar a política de transparência
A Lupa faz parte do
The trust project
International Fact-Checking Network
A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos.
A Lupa está infringindo esse código? FALE COM A IFCN
Tipo de Conteúdo: Reportagem
Conteúdo investigativo que aborda temas diversos relacionados a desinformação com o objetivo de manter os leitores informados.
Copyright Lupa. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.

Leia também


10.04.2024 - 17h41
Redes Sociais
X acumula embates com governos por falta de transparência e é proibido em 6 países

A extrema-direita vem usando o embate entre o dono do X, Elon Musk, e o ministro do STF Alexandre de Moraes para defender a "liberdade de expressão" diante do que eles chamam de "censura". Alegam que a rede pode ser bloqueada no Brasil e citam exemplos de países que proibiram o acesso. A Lupa elencou a situação do X em outras nações, confira.

Evelin Mendes
09.04.2024 - 11h36
Redes Sociais
Seis vezes que o X abriu brecha para desinformação em suposta defesa da liberdade de expressão

Um ano e meio desde a aquisição do Twitter por Elon Musk, agora chamado X, a rede ganhou a fama de ser o “esgoto da desinformação”. Sob o pretexto da “liberdade de expressão”, Musk permitiu que fakes circulassem livremente pela rede. A Lupa listou seis exemplos de decisões do bilionário que transformaram o X no epicentro de conteúdos falsos.

Carol Macário
06.04.2024 - 08h24
Eleições 2024
Falta de regulação e critérios de remoção de fakes impõem desafios ao TSE a 6 meses da eleição

Reportagem da Lupa mostra que, a 6 meses das eleições municipais, o desafio de estancar a desinformação — diante da falta de regulação pelo Congresso e pela omissão no monitoramento de algumas plataformas — vai exigir ainda mais atenção do TSE. Especialistas criticam ainda critérios que serão adotados para remoção de conteúdos enganosos.

Ítalo Rômany
05.04.2024 - 10h15
Política
Mistura de Páscoa, direito trans e NBA gera pico de 'fakes' nos EUA

Ignorando o fato de que o Dia da Visibilidade Transgênero existe desde 2009, religiosos conservadores usaram acusações falsas para atacar o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, na Páscoa, depois de ele ter manifestado apoio à comunidade trans em um comunicado.

Cristina Tardáguila
04.04.2024 - 15h25
Política
Lula volta a trocar mil por milhões e erra mortes de crianças em Gaza

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) errou ao afirmar que 12,3 milhões de crianças morreram na Faixa de Gaza, em discurso na Conferência Nacional pelos Direitos das Crianças e Adolescentes em Brasília. É falso. Segundo o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), 13,7 mil crianças foram mortas na região desde o início do conflito entre Israel e o Hamas.

Nathallia Fonseca
Lupa © 2024 Todos os direitos reservados
Feito por
Dex01
Meza Digital